telessaude_horizontal-site.png
Facebook Instagram Twitter Linkedin Youtube linkedin.png WhatsApp Business spotfy.png Spotfy

Vírus Nipah

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Na Índia foi registrada a morte de um menino de 12 anos infectado

Primeiro Caso

De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, o vírus Nipah foi detectado pela primeira vez em 1998 na Malásia e Cingapura.

Este surto inicial envolveu 300 casos humanos, mas os porcos também foram afetados. Mais de 100 pessoas morreram e mais de um milhão de porcos foram mortos em um esforço para conter a propagação da doença.

Desde então, surtos ocorreram em outras partes da Ásia, principalmente em Bangladesh e na Índia. Bangladesh teve surtos quase anuais desde 2001, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

O que é ?

O Nipah é um vírus zoonótico, o que significa que sua transmissão inicial é para humanos a partir de animais, que neste caso eram morcegos frugívoros. O vírus também pode infectar porcos, que podem então transferi-lo para humanos.

Durante os surtos, houve disseminação de pessoa para pessoa, o que aumenta o risco de surtos maiores. Segundo a OMS, também pode ser transmitido por meio de alimentos contaminados.

Durante o surto inicial na Malásia, a maioria dos pacientes contraiu o vírus por meio do contato com porcos infectados ou seus tecidos. Em outros surtos em Bangladesh, os cientistas acreditam que o consumo de frutas contaminadas com fluidos de morcegos infectados, como o suco de tamareira, causou infecções em humanos.

O contato com fluidos corporais e excrementos de humanos infectados também pode espalhar o vírus diretamente entre as pessoas. Grande parte da disseminação da doença entre humanos ocorreu entre profissionais de saúde que pegaram o vírus enquanto cuidavam de pacientes.

Sintomas

De acordo com a OMS, o vírus Nipah pode ser difícil de diagnosticar porque alguns pacientes apresentam poucos sintomas e outros apresentam sintomas "inespecíficos".

A Health Canada afirma que pode haver uma série de sintomas nas pessoas sintomáticas, de leves a graves.

São eles:

  • sintomas semelhantes aos da gripe tendem a surgir primeiro, incluindo febre,
  • vômitos,
  • dores de cabeça,
  • dor de garganta e
  • dores musculares.

Posteriormente, os pacientes também podem apresentar sintomas neurológicos mais graves, incluindo tonturas, alteração da consciência e sintomas que indicam um inchaço do cérebro.

Inchaço cerebral e convulsões ocorrem em casos graves, progredindo para o coma em 24 a 48 horas.

Tratamento

Não há vacina ou tratamento para o Nipah, mas o acesso a cuidados médicos de apoio o mais rápido possível aumenta as chances de recuperação.

Comparação com o Coronavírus

O vírus Nipah parece ser significativamente mais mortal do que o coronavírus.

De acordo com a OMS, a taxa de letalidade do vírus Nipah é estimada em 40% a 75%, um número que varia dependendo das "capacidades locais de vigilância epidemiológica e gerenciamento clínico".

No entanto, isso deve significar que é mais difícil para o vírus Nipah se espalhar tanto quanto o coronavírus. Quando um vírus mata rapidamente a maioria daqueles que o contraem, isso deixa pouco tempo para o vírus infectar outras pessoas e se espalhar amplamente, tornando seu círculo de devastação menor e mais intenso.

Referências

https://www.ctvnews.ca/health/what-is-nipah-the-deadly-virus-emerging-in-india-alongside-covid-19-1.5576910

https://timesofindia.indiatimes.com/india/nipah-virus-all-you-wanted-to-know/articleshow/69647867.cms

Telessaúde São Paulo

E-mail: telessaude.sp@unifesp.br - Telefone: (11) 3385-4211

Endereço: Rua Pedro de Toledo, 715 - Piso superior - Vila Clementino - São Paulo - SP - 04039-032