telessaude_horizontal-site.png
Loja do Google Facebook Instagram Twitter Linkedin Youtube linkedin.png WhatsApp Business

20 de novembro - Dia Nacional da Consciência Negra

Data escolhida por coincidir com o dia atribuído à morte de Zumbi dos Palmares, em 1695 

Dia Nacional da Consciência Negra é celebrado, no Brasil, em 20 de novembro. Foi criado em 2003 como efeméride incluída no calendário escolar — até ser oficialmente instituído em âmbito nacional mediante a lei nº 12 519, de 10 de novembro de 2011, sendo feriado em cerca de mil cidades em todo o país e nos estados de Alagoas, Amazonas, Amapá, Mato Grosso e Rio de Janeiro através de decretos estaduais. Em estados que não aderiram à lei a responsabilidade é de cada câmara de vereadores, que decide se haverá o feriado no município.

A ocasião é dedicada à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. A data foi escolhida por coincidir com o dia atribuído à morte de Zumbi dos Palmares, em 1695, um dos maiores líderes negros do Brasil que lutou pela libertação do povo contra o sistema escravista. O Dia da Consciência Negra é considerado importante no reconhecimento dos descendentes africanos e da construção da sociedade brasileira. A data, dentre outras coisas, suscita questões sobre racismo, discriminação, igualdade social, inclusão de negros na sociedade e a cultura afro-brasileira, assim como a promoção de fóruns, debates e outras atividades que valorizam a cultura africana.

Consciência negra é um termo que ganhou notoriedade na década de 1970, no Brasil, em razão da luta de movimentos sociais que atuavam pela igualdade racial, como o Movimento Negro Unido. O termo é, ao mesmo tempo, uma referência e uma homenagem à cultura ancestral do povo de origem africana, que foi trazido à força e duramente escravizado por séculos no Brasil. É o símbolo da luta, da resistência e a consciência de que a negritude não é inferior e que o negro tem seu valor e seu lugar na sociedade.

Conheça alguns dados estatísticos sobre a saúde da população negra no Brasil

  • O Brasil é o segundo país com a maior população negra no mundo, ficando atrás somente da Nigéria. Segundo o IBGE o censo demográfico de 2010 constatou que a maioria da população é negra ou parda (54%);
  • Nos últimos 10 anos os números de assassinatos caíram 8% entre mulheres brancas. E aumentaram 15,4% entre as negras;
  • Sobre representatividade na mídia, em 2015, apenas 1% das mulheres em comerciais eram negras. Em 2016 13% e em 2017 21%. Entre homens, 87% dos protagonistas são brancos;
  • Hoje a ONU possui uma campanha de combate a morte das juventudes negras no Brasil, pois sete a cada dez pessoas assassinadas são negras;
  • Segundo pesquisa realizada pela SEPPIR e pelo Senado Federal, 56% da população brasileira concorda com a afirmação de que “a morte violenta de um jovem negro choca menos a sociedade do que a morte de um jovem branco”. O dado revela como os brasileiros tem sido indiferentes a um problema que deveria ser de todos.
  • Das 4.222 pessoas mortas em decorrência de intervenção policial, 76,2% eram negras;
  • Apenas 12,8% dos estudantes de ensino superior são negros, enquanto nos presídios negros representam 64% da população carcerária. Porque um negro buscando um diploma incomoda mais do que um numa prisão?
  • Mulheres negras grávidas morrem duas vezes mais, de causa maternas que as mulheres brancas e são mais atingidas pela violência obstétrica (65,4%);
  • Crianças negras morrem mais por doenças infantis que as crianças brancas;
  • Quase 80% da população que usa o SUS se autodeclara negra.
  • O constante preconceito contra as populações negras gera diversos transtornos relacionados a autoafirmação, autoestima, entre outros.

Referências

https://pt.wikipedia.org/wiki/Dia_da_Consci%C3%AAncia_Negra
https://brasilescola.uol.com.br/sociologia/consciencia-negra.htm
https://guiadaalma.com.br/consciencia-negra-saude/

Telessaúde São Paulo

E-mail: telessaude.sp@unifesp.br - Telefone: (11) 3385-4211

Endereço: Rua Pedro de Toledo, 715 - Piso superior - Vila Clementino - São Paulo - SP - 04039-032