telessaude_horizontal-site.png
Loja do Google Facebook Instagram Twitter Linkedin Youtube linkedin.png WhatsApp Business

10 de novembro, Dia Mundial de Combate ao Vírus HTLV

O vírus HTLV-1 está relacionado à leucemia e à degeneração neurológica e pode ser transmitido como o HIV

Comemorado em 10 de novembro, o Dia Mundial de Combate ao Vírus HTLV é um alerta para uma infecção pouco conhecida, com sinais e sintomas imperceptíveis na maioria dos casos. A Infecção causada pelo vírus T-linfotrópico humano (HTLV) atinge as células de defesa do organismo, os linfócitos T.

A data foi escolhida pela Associação Internacional de Retrovirologia (IRVA – International Retrovirology Association) com o objetivo de informar e mobilizar a sociedade e o poder público para o significado da infecção, as doenças a ele associadas, seu impacto na saúde pública e os meios de contê-lo.

O HTLV foi o primeiro retrovírus humano isolado (no início da década de 1980) e é classificado em dois grupos: HTLV-I e HTLV-II. Dez por cento das pessoas infectadas apresentam doenças neurológicas, oftalmológicas, dermatológicas, urológicas e hematológicas(neste caso, a leucemia e linfoma) associadas ao vírus.

Transmissão

O contágio do HTLV ocorre por via sexual em relações desprotegidas, por compartilhamento de seringas e agulhas e via transmissão vertical (da gestante para o bebê) principalmente pelo aleitamento materno.

Tratamento

O tratamento é direcionado de acordo com a doença relacionada ao HTLV. A pessoa deverá ser acompanhada nos serviços de saúde do SUS e, quando necessário, receber seguimento em serviços especializados para diagnóstico e tratamento precoce de doenças associadas ao HTLV. Como não existem medicamentos específicos contra o vírus, a opção são tratamentos voltados para combater os sintomas das síndromes provocadas pela infecção.

Prevenção

É recomendado o uso de preservativo masculino ou feminino (disponíveis gratuitamente no SUS) em todas as relações sexuais, e o não compartilhamento de seringas e agulhas.

Sintomas

As estatísticas indicam que apenas 5% das pessoas infectadas pelo HTLV desenvolvem problemas de saúde relacionados com o vírus. Nesses casos, em geral, instalam-se quadros neurológicos degenerativos graves e de leucemias e linfomas. No entanto, a infecção pode ser absolutamente assintomática. Quando se manifestam, são sintomas indicativos de doença neurológica:

* Dor na batata da perna e nos pés e na coluna lombar;

* Fraqueza, dormência e formigamento nos membros inferiores;

* Perturbações urinárias, principalmente dificuldade para urinar.

Nos quadros de leucemia e linfomas, os sintomas mais comuns são:

Lesões cutâneas maculopapulares (ou seja, regiões avermelhadas com pequenas elevações moles);

Descamação;

Gânglios inchados;

Alterações visuais e ósseas.

Diagnóstico

Muitas vezes, a pessoa descobre que é portadora do HTLV, por acaso, quando vai doar sangue, por exemplo. O diagnóstico de certeza só é estabelecido pelos resultados positivos dos testes ELISA e Western-blot específicos para esse tipo de retrovírus. Tomar conhecimento da infecção é fundamental para controlar a transmissão do vírus.

Atenção!

* Só pratique sexo seguro;

* Certifique-se sempre de que as agulhas e seringas que vai usar são descartáveis;

* Se você está grávida ou pretende engravidar, peça para seu médico averiguar a possibilidade da infecção pelo HTLV, pois esse não é um teste solicitado obrigatoriamente nos pré-natais.

#htlv #virushtlv #DiaMundialdeCombateaoVírusHTLV #MinistériodaSaúde #SaúdeDigital #SomosUnifesp #SUS #SistemaÚnicodeSaúde #TelessaúdeSP #AtençãoPrimária #Telehealth #Telessaúde #Telemedicina

https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/htlv-virus-linfotropico-da-celula-humana/

https://portal.fiocruz.br/noticia/conscientizacao-internacional-sobre-o-virus-htlv

http://www.blog.saude.gov.br/index.php/promocao-da-saude/53628-dia-mundial-de-combate-ao-virus-htlv

Telessaúde São Paulo

E-mail: telessaude.sp@unifesp.br - Telefone: (11) 3385-4211

Endereço: Rua Pedro de Toledo, 715 - Piso superior - Vila Clementino - São Paulo - SP - 04039-032